Saltar para o conteúdo

A Geração Z pode expor seu e-commerce a fraudes. O que fazer?



Junte-se à nossa lista de endereços

A Signifyd publica regularmente relatórios gratuitos repletos de insights de negócios, tendências de comércio e dados de nossa enorme Commerce Network. Só enviaremos e-mails quando tivermos algo significativo para compartilhar, não mais do que uma vez por semana. E, claro, você pode cancelar a inscrição a qualquer momento.

sidebar-ipad

A Geração Z já tem grande importância para o comércio eletrônico, no entanto, alguns de seus hábitos podem os tornar mais suscetíveis a fraudes no ambiente digital e, consequentemente, colocar seu e-commerce na mira dos fraudadores também. 

Atualmente, mais de 2 bilhões de pessoas no mundo fazem parte dessa geração. Só no Brasil, são mais de 30 milhões de jovens, que atualmente possuem de 13 a 26 anos. 

A Geração Z já é parte relevante da população economicamente ativa e seu poder de compra está em torno de US$ 44 bilhões. Um público que, definitivamente, não pode ser ignorado pelos varejistas. 

Estima-se que, em breve, esse será o maior público consumidor do mundo. Com tamanho potencial de mercado, os Gen Zs já chamam a atenção de fraudadores, que estão cada vez mais articulados para se aproveitar das vulnerabilidades que esse grupo apresenta. 

 

Quem é a Geração Z?

A Geração Z é formada por nascidos entre 1997 e 2010, que compartilham hábitos, visão de mundo, além de determinadas características. Entre elas, destaca-se a preocupação com o meio ambiente, valorização da experiência e da individualidade e a priorização da conectividade e do imediatismo. Essas características tornam a Gen Z uma geração de consumidores mais exigentes.

 

Infográfico gerações. Quem é a geração Z?

 

Íntimos do digital, desde novos esses jovens já tiveram um contato muito próximo com a tecnologia e a internet. Eles não presenciaram a transição do analógico para o digital, como os Millennials. Os Gen Zs são considerados os primeiros nativos digitais. 

 

Quais são os hábitos de consumo da Geração Z?

Os Centennials, como também podem ser chamados, se relacionam com a internet de modo diferente das demais gerações, já que sempre a tiveram disponível: o contato com o mundo digital é maior e mais intenso.

Segundo o estudo “O desafio Z: Comunicação para a geração hiperconectada”, realizado pela Kantar IBOPE Media, esses jovens passam cerca de 6 horas e 45 minutos na internet, contra a média de 5 horas e 26 minutos da população geral, sendo o smartphone o principal dispositivo usado por 98% deles. 

Logo, é natural que as compras dessa geração sejam cada vez mais online também. Uma pesquisa da Verint revela que a Geração Z prefere comprar virtualmente, a comprar presencialmente. Menos de 36% desses consumidores têm o hábito de consumir de lojas físicas regularmente. 

Apesar da preferência pelo online, isso não quer dizer que as lojas físicas não sejam relevantes para esses jovens. O E-commerce Brasil aponta que a Geração Z tende fortemente para o omnichannel, conseguindo aproveitar as vantagens e praticidades de ambas modalidades, para obter a melhor experiência de compra possível.

 

Tudo pela experiência

Ainda segundo a pesquisa da Vernit, para essa geração, o que realmente importa são as (boas) experiências. Após o preço, esse é o principal fator considerado ao realizarem compras.

Ao supervalorizar a experiência, esperam conteúdos e atendimento cada vez mais personalizados e alinhados com seus interesses, rompendo o relacionamento com empresas que não consigam proporcionar uma experiência à altura de suas expectativas.

A moeda de troca dessa experiência personalizada, no entanto, são seus dados. Em prol de uma boa experiência, a Geração Z consentirá facilmente o fornecimento de dados. 

 

Imediatismo 

Apesar das quase 7 horas gastas diariamente na internet, as tarefas realizadas são cada vez mais curtas e rápidas, priorizando o imediatismo. Não é à toa que o TikTok se tornou uma das principais redes sociais consumidas por essa geração, onde vídeos de até 15 segundos são extremamente populares.

Esse imediatismo perdura em vários âmbitos da vida desses jovens. Segundo a empresa britânica IAB.UK, as marcas possuem apenas 8 segundos para atrair a atenção e conquistar clientes da Geração Z (uma capacidade de concentração ainda menor que a dos millenials, de 12 segundos).

O reflexo desse imediatismo pode ser observado também na compra online, onde os processos devem ser rápidos, concisos e coesos, mesmo aqueles inevitáveis, como o checkout e a etapa de pagamento, por exemplo. Tão rápidos, a ponto de que aconteçam de forma quase imperceptível, com fluidez e mantendo a boa experiência de compra intacta.

Ao se importar tanto com a experiência, quanto com a rapidez, é de se esperar que a Geração Z não tenha paciência para navegar em um site lento: é o que dizem 60% desses jovens, segundo o portal Meio&Mensagem. Da mesma forma, um processo de compra lento, que requer o preenchimento de muitas informações ou cuja confirmação demora para acontecer, também afetará negativamente a experiência desse consumidor. 

 

Identificação

Uma característica muito forte nos Gen Zs é a sociabilidade e a identificação que possuem em comunidades. Logo, a pandemia e o isolamento social ressaltaram ainda mais a necessidade de um tratamento mais humanizado e exclusivo.

Essa demanda por humanização e exclusividade gera uma maior identificação entre os Centennials e a marca, e pode ser muito observada no comportamento de compra: eles preferem consumir de espaços físicos mais atraentes e “instagramáveis” e, no universo digital, optam por lojistas que oferecem uma linguagem adequada e próxima, que criem vínculos. O mesmo aplica para o atendimento em geral, principalmente com chatbots

 

A Geração Z é mais suscetível a sofrer com fraudes online

Os Gen Zs possuem um comportamento digital mais impulsivo e descuidado, abrindo muito espaço para que pessoas mal intencionadas se aproveitem do vazamento de dados para realizar compras online fraudulentas com facilidade.

 

fraudes digitais envolvendo jovens cresce

 

Segundo matéria da Folha de São Paulo, enquanto as pessoas mais velhas sofrem com as fraudes por certa ingenuidade no consumo de internet, a Geração Z se vulnerabiliza através de uma cultura de exposição de dados. Inclusive, esses jovens já têm uma suscetibilidade de sofrerem fraudes equiparada com os mais idosos. 

Um estudo da Growth From Knowledge (GFK) revela que os jovens da América Latina, Europa e Estados Unidos possuem as mesmas atitudes em relação à privacidade de dados. 

Independentemente da localidade, eles são muito mais abertos a compartilhar seus dados e sua vida na internet por acreditar que quanto mais dados uma empresa tiver dele, mais personalizada e relevante serão as experiências de navegação, compra e contato. 

A estrategista de jovens digitais da GFK, Olivia Yallop, comenta:

 

preocupações da Geração Z sobre privacidade e proteção de dados

 

Embora a Geração Z espere boa-fé das empresas em relação à privacidade e à não vender seus dados para terceiros, uma pesquisa da consultoria americana Fluent revelou que esses jovens são céticos em relação ao cumprimento dessa expectativa.

 

Confiança de que as marcas protegerão as informações dos consumidores, por geração

 

Por desacreditarem que seus dados estarão seguros e protegidos, é adotada uma postura de ciência e conformismo, onde pelo menos exista algum tipo de retorno positivo para si em ceder seus dados, como uma melhor experiência de consumo, optando por não se incomodar com os riscos.

Esse é um fato muito importante, uma vez que essa vulnerabilidade afeta diretamente o e-commerce, que fica exposto a fraudes e chargebacks e demais prejuízos financeiros em consequência deles.

Diante de uma geração inteira que, para o bem ou para o mal, compartilha dados mais facilmente e que, ao mesmo tempo, já representa uma parcela importante do mercado, o seu e-commerce está preparado para manter a segurança à escala e evitar prejuízos decorrentes de fraudes? 

 

 

Proteja seu e-commerce das vulnerabilidades da Geração Z

Se não há como prever variáveis externas, é preciso construir um negócio à prova de fraudes. Entretanto, e especialmente no caso da Geração Z, essa blindagem não pode interferir na experiência de compra. Uma proteção que agrega muitos passos ao processo de compra para ser efetiva ou que é tão rigorosa com a aprovação de pedidos no e-commerce que ocasiona a perda de vendas e compradores legítimos, definitivamente não funcionará.

Com um bom antifraude como parceiro, você não precisa se preocupar! A Signifyd é uma empresa americana, com atuação mundial, que, desde 2011, combate efetivamente as fraudes ao mesmo tempo em que viabiliza o crescimento do e-commerce.

A Signifyd oferece ao mercado uma plataforma antifraude ímpar, nº 1 entre os mil principais e-commerces do mundo! São inúmeras vantagens e benefícios de escolher quem entende de proteção para e-commerce. 

A plataforma da Signifyd blinda seu negócio contra fraudes e isenta seu e-commerce da responsabilidade de chargebacks fraudulentos em pedidos aprovados, proporcionando uma garantia financeira integral contra fraudes. 

A marca conta com tecnologia de ponta, baseada em Inteligência Artificial, Machine Learning e Big Data, para analisar pedidos com assertividade em poucos segundos, melhorando a experiência do cliente e aprovando mais pedidos. 

Base de sua plataforma e um de seus grandes diferenciais, a exclusiva Rede de E-Commerces da Signifyd possibilita identificar e reconhecer a intenção de compra por trás de cada pagamento no seu e-commerce – mesmo que o cliente seja novo no seu e-commerce, a probabilidade de que já tenha sido visto na rede da Signifyd é de 98%.

Dessa forma, fica fácil confiar na Geração Z (e nos demais clientes!), oferecer uma experiência de compra rápida e livre de atritos como essa geração espera e, assim, crescer sem medo, com a tranquilidade de que a plataforma da Signifyd irá reconhecer comportamentos suspeitos, bloquear pedidos fraudulentos e ainda garantir os pedidos aprovados contra chargebacks.

 

Conheça as vantagens de contar com a Signifyd

Signifyd

Signifyd

A Signifyd fornece uma plataforma de proteção de e-commerce de ponta a ponta, que aproveita sua rede de comércio para maximizar a conversão, automatizar a experiência do cliente e eliminar fraudes e abuso de clientes para varejistas.