Skip to content

O que é e como a tokenização pode beneficiar o e-commerce



Junte-se à nossa lista de endereços

A Signifyd publica regularmente relatórios gratuitos repletos de insights de negócios, tendências de comércio e dados de nossa enorme Commerce Network. Só enviaremos e-mails quando tivermos algo significativo para compartilhar, não mais do que uma vez por semana. E, claro, você pode cancelar a inscrição a qualquer momento.

sidebar-ipad

Com o crescente número de fraudes nos e-commerces — cerca de 71% de aumento em comparação a 2022 — é de se esperar que a segurança das transações online seja uma preocupação constante, tanto para os consumidores, quanto para as empresas. 

Com o propósito de ampliar as soluções de proteção de dados sensíveis, a tokenização surge para o e-commerce e essa tecnologia tem ganhado cada vez mais destaque no varejo digital. Entenda, a seguir, o que é a tokenização e como ela pode beneficiar o comércio eletrônico.

 

O que é um e-commerce token e como ele funciona?

O e-commerce token é uma proteção extra que as lojas virtuais podem oferecer aos clientes. Isso porque esse recurso aumenta a segurança das transações virtuais, tanto para o e-commerce, quanto para o cliente, uma vez que os dados do cartão ficam sigilosos e não são compartilhados com a loja. 

O processo acontece de forma automática e bem simples: o e-commerce token substitui o número do cartão por um número alternativo e temporário (DPAN – Dynamic Primary Account Number).

Dessa forma, cibercriminosos que tentem fraudar esse cartão, não terão acesso a nenhuma informação sensível, e sim a uma sequência ilegível que mitiga o risco de vazamento desses dados. 

Esse processo de tokenização do e-commerce pode ser muito vantajoso, uma vez que, como os clientes se beneficiam da segurança de dados proporcionada pela tokenização, e há a eliminação de possíveis fricções no checkout, como o processamento lento do pedido. Além disso, é muito comum que as taxas de conversão sejam impulsionadas e que a confiança cresça. 

 

Exemplos do cotidiano que a tokenização acontece

E-Wallet

As carteiras digitais como Apple Pay e Google Pay, já apresentam a tecnologia de transação por meio do celular, sem a necessidade do cartão físico. Progressivamente, esse tipo de compra se torna cada vez mais presente no cotidiano do brasileiro, e isso só é possível graças à utilização de um token. 

 

tokenizacao_ewallet

 

Checkout com um clique 

O “checkout em um clique” é algo que já vemos  há alguns anos no e-commerce, principalmente nos negócios de grande varejo. Basta um único clique para a compra ser realizada.

 

tokenizacao_checkout _em_um_clique

 

Desenvolvido com o propósito de eliminar fricções no checkout, tornar a jornada de compra do usuário mais fluida e facilitar o aumento de conversão, essa tecnologia também só é possível graças a um e-commerce token.

 

Assinatura recorrente

O pagamento recorrente, muito utilizado em assinaturas, é extremamente beneficiado pela tokenização dessa transação. Com os dados do cliente armazenados em segurança, graças a um e-commerce token, nem a empresa ou o cliente precisam se preocupar em emitir mensalmente um novo pagamento.

 

tokenizacao_pagamento_recorrente

 

Existe diferença entre tokenização e criptografia?

A tokenização e a criptografia foram ambas desenvolvidas com o propósito de proteger dados, inclusive no e-commerce. No entanto, a principal diferença entre elas se dá pelo modo como os dados são tratados. Confira, a seguir. 

 

Como é o processo com a criptografia? 

A criptografia é um processo que envolve a conversão dos dados em um formato ilegível, por meio de um algoritmo matemático.  A criptografia é reversível, permitindo que os dados originais sejam recuperados com a decodificação da chave de descriptografia correta.

 

E com a tokenização, como acontece?

Com a tokenização o processo é um pouco diferente: o que ocorre é a substituição dos dados sensíveis por um token não significativo. O token é um valor único e aleatório, que não possui relação direta com os dados originais. 

A correspondência entre o token e os dados reais é armazenada em um ambiente seguro, geralmente em um servidor protegido. Dessa forma, os dados sensíveis nunca são armazenados ou transmitidos em sua forma original.

Ou seja, esse processo não pode ser revertido para recuperar os dados originais, como ocorre com a criptografia. Isso torna os tokens inúteis para hackers, mesmo que tenham obtido acesso a eles.

 

Tokenização X Criptografia: qual a melhor opção para seu e-commerce?

O e-commerce é mais beneficiado com a tokenização, já que ela é uma abordagem mais segura para proteger informações confidenciais, como detalhes do cartão de crédito dos clientes. 

Alguns outros tipos de segurança podem ser complementares ao e-commerce token, como a própria criptografia, para proteger ainda mais os dados, garantindo que a comunicação entre diferentes sistemas seja criptografada. 

 

Alie o antifraude e tokenização para máxima proteção

A tokenização pode proteger seu e-commerce e seus clientes contra o roubo e uso não autorizado de dados sensíveis. Entretanto, não será eficiente caso esses dados tenham sido roubados ou vazados em outro ambiente, físico ou virtual.

É possível proteger ainda mais seu e-commerce com uma ferramenta de proteção contra fraudes que evitará que seu e-commerce seja vítima de compras realizadas com informação roubada que acabam resultando em chargebacks e prejuízos para o varejista. 

Uma plataforma altamente tecnológica, como a oferecida pela Signifyd, uma empresa internacional com 12 anos de expertise no mercado, pode detectar estes casos e oferecer máxima proteção, melhorar taxas de aprovação, eliminar as dores de cabeça com chargebacks e muito mais! 

Conheça as vantagens de contar com um parceiro de peso para garantir a proteção do seu e-commerce e cresça sem medo de fraudes! 

 

Invista na segurança completa para seu e-commerce. Conheça a Signifyd

Últimas postagens
Signifyd

Signifyd

A Signifyd fornece uma plataforma de proteção de e-commerce de ponta a ponta, que aproveita sua rede de comércio para maximizar a conversão, automatizar a experiência do cliente e eliminar fraudes e abuso de clientes para varejistas.